Determinantes da estrutura de capital das pequenas e médias empresas do vinho verde

Journal article


Authors/Editors


Research Areas

No matching items found.


Publication Details

Author list: Hélder Pereira, Fernando Tavares, Luís Luís Pacheco, Cláudia Carvalho
Publisher: Universidade Regional de Blumenau - Brasil
Publication year: 2015
Journal: Revista Universo Contábil (1809-3337)
Volume number: 11
Issue number: 3
Start page: 110
End page: 131
Number of pages: 22
ISSN: 1809-3337
Languages: Portuguese-Portugal (PT-PT)


Abstract

Este trabalho tem como principal objetivo estudar as determinantes da
estrutura de capital das PME do Vinho Verde e a forma como tal pode ter
influência no seu nível de endividamento. Para a concretização do estudo
estimou-se, através da metodologia do modelo de regressão linear
múltipla, o comportamento dos determinantes da estrutura de capital no
período entre 2003 a 2012, considerando uma amostra de 13 PME do Vinho
Verde obtida através da base de dados do SABI. Este estudo tem como
objetivo analisar o nível de endividamento à luz das duas principais
teorias que versam sobre o assunto, a teoria Trade-Off e a teoria Pecking Order. A teoria Trade-Off
considera a existência de uma estrutura de capital ótima, uma
combinação de capital próprio e capital alheio capaz de maximizar o
valor da empresa. Enquanto a teoria Pecking Order sugere a
existência de uma hierarquia no uso das fontes de financiamento. Os
resultados obtidos sugerem que a rendibilidade, a tangibilidade do
ativo, a dimensão, a liquidez geral, os outros benefícios fiscais além
da dívida e o risco são as determinantes que melhor explicam a estrutura
de capital das PME estudadas. Os resultados do estudo permitem concluir
que a teoria Trade-Off e a teoria Pecking Order não devem ser consideradas isoladamente para explicar a estrutura de capital das PME do Vinho Verde.


Keywords

Estrutura de capital, Pecking order, PME, Regressão linear, Trade-Off


Documents

No matching items found.

Last updated on 2019-13-08 at 00:15