Gravidez na adolescência: análise contextual de risco e proteção

Article de journal


Auteurs / Editeurs


Domaines de Recherche


Détails sur la publication

Liste des auteurs: Koller S
Editeur: Universidade Estadual de Maringá
Année de publication: 2010
Numéro du volume: 15
Numéro de publication: 1
Page d'accueil: 72
Dernière page: 85
Nombre de pages: 14
ISSN: 1413-7372
Languages: Potugais-Brésil (PT-BR)


Résumé

A gravidez precoce pode ser entendida como fator de risco ou proteção no
adolescente. é crescente a necessidade de pesquisas que aprofundem os
aspectos envolvidos nessa questão. Este estudo exploratório-descritivo
teve como objetivo identificar as diferenças existentes entre um grupo
de adolescentes que viveu a experiência de gravidez durante a
adolescência. A amostra foi composta por 1015 jovens de nível
socioeconômico baixo de Porto Alegre, com 14-24 anos, de ambos os sexos.
Utilizou-se um questionário com 109 questões que abordam aspectos da
vida juvenil: drogas, sexualidade, religiosidade, escola. Observou-se
maior número de participantes do sexo feminino 52.3% contra 47.7% do
sexo masculino. 53.5% dos jovens já iniciou a vida sexual, dentre estes,
64.6% eram homens. A idade média para a primeira relação foi
significativamente menor para eles (M=13.64 anos; dp=1.7) do que para elas (M=14.79 anos; dp=1.4).
Os resultados revelam um percentual esperado para gravidez e aborto em
jovens de nível socioeconômico baixo, quando comparado a outros estudos.
Sobressai a baixa idade para a primeira relação sexual e o fato de que
cerca de ¼ da amostra apresentar uso irregular de métodos
contraceptivos. Discute-se sobre uso de métodos anticoncepcionais e
aborto, associadas à saúde do adolescente.


Mots-clés

Pas d'articles correspondants trouvés.


Documents

Pas d'articles correspondants trouvés.

Dernière mise à jour le 2019-13-08 à 00:15