António de Oliveira Salazar

Livre (Auteur)


Auteurs / Editeurs


Domaines de Recherche

Pas d'articles correspondants trouvés.


Détails sur la publication

Sous-titre: Discurso Político e “retórica” dos Direitos Humanos
Liste des auteurs: Campina ACC
Nom ou numéro d'édition: Ediciones Universidad Salamanca
Editeur: Universidad Salamanca
Place: Salamanca
Année de publication: 2013
ISBN: 978-84-9012-356-0
Languages: Potugais-Portugal (PT-PT)


Résumé

Este trabalho debruça-se sobre António de Oliveira Salazar - Discurso político e a “retórica” dos Direitos Humanos. A educação e a formação, os meios onde se moveu e que lhe permitiram evoluir e afirmar-se perante uma sociedade estiveram na génese da produção, uso e manipulação do discurso salazarista. O discurso marcou indiscutivelmente a trajetória de António de Oliveira Salazar, na sua ascensão ao poder - a etapa central da nossa investigação – por mais que a comparação da teoria com a prática nos transporte para uma breve passagem pelo ocorrido entre 1933 e 1968. A análise do discurso salazarista permitiu um reconhecimento em profundidade do regime, o qual teve uma duração de quatro décadas, porém exigiu-se uma análise funcional deste formidável instrumento estratégico, que não deixaria de marcar, por muito tempo, ainda que em grau desigual segundo os casos e sectores, por permeabilidade ou por reação, a mentalidade coletiva dos portugueses.

This essay is about António de Oliveira Salazar – Political speech and Human Rights “retoric”. The education and training, the means used by Salazar which allowed him to develop and assert himself into society were the genesis of the production, use and manipulation of Salazar’s discourse. The speech has definitely been a mark of the trajectory of António de Oliveira Salazar, in his rise to power - the goal of our investigation – even though the comparison of theory and practice takes us to a stint occurred between 1933 and 1968. The analysis of Salazar’s speech allowed us a deep recognition of the regime, which lasted four decades, but demanded a functional analysis of this formidable strategic tool, which would certainly mark for a long time, even in different degrees, according to cases and sectors, by permeability or reaction, the collective mentality of the Portuguese citizens.


Mots-clés

Human Rights, Portugal


Documents

Pas d'articles correspondants trouvés.

Dernière mise à jour le 2019-10-08 à 00:15