Trabalho colaborativo docente no ensino das Ciências

Chapter in book


Authors/Editors


Research Areas

No matching items found.


Publication Details

Author list: Nogueira, P., & Abelha, M.
Publisher: CIIE – Centro de Investigação e Intervenção Educativas
Place: Porto
Publication year: 2014
Start page: 148
End page: 158
Number of pages: 11
ISBN: 978-989-8471-13-0
Languages: Portuguese-Portugal (PT-PT)


Abstract

Um

dos principais objetivos da escola do século XXI é desenvolver
nos alunos, as competências

necessárias para que estes se tornem cidadãos detentores de uma
literacia científica, que lhes permita

desenvolver hábitos de problematização, de reflexão e de pesquisa, de modo a que se tornem cidadãos

interventivos e capazes de participar e tomar decisões
fundamentadas, o que pressupõe uma estreita

articulação entre as aprendizagens e o contexto sociocultural dos
alunos.

A concretização desse objetivo passa, em nosso entender, por um ensino mais integrado e holístico,

pressupondo um trabalho docente sustentado por uma cultura colaborativa
capaz de conduzir o professor,

através de práticas reflexivas e investigadoras da sua
profissionalidade, para além da sua competência

científica, isto é, para o conhecimento e aperfeiçoamento de um
repertório de práticas de ensino, que

permita motivar o aluno a melhorar a sua aprendizagem. Neste
sentido, quisemos com o nosso estudo

compreender dinâmicas de trabalho estabelecidas entre professores de ciências, em contexto de

departamento curricular.

Deste modo, e com o intuito de encontrar respostas para o problema de
investigação formulado, gizámos os

seguintes objetivos de investigação, a saber: i) identificar conceções
de professores de

Ciências Físicas e

Naturais,

do terceiro ciclo e secundário, sobre o conceito de colaboração docente,
ii) caracterizar dinâmicas

de trabalho docente que os professores participantes no
estudo afirmam desenvolver a nível de

departamento curricular no

geral e de área disciplinar em particular e iii) averiguar
possíveis fatores

potenciadores e inibidores de uma cultura de trabalho colaborativo
docente no ensino das Ciências. Este estudo seguiu uma metodologia
essencialmente qualitativa, tendo sido selecionada como estratégia de

investigação o estudo de caso. O departamento curricular de Matemática e
Ciências Experimentais de uma

escola secundária com terceiro ciclo na região do grande Porto
foi o caso estudado. A recolha de dados

ocorreu durante o ano letivo 2011/2012, tendo o inquérito por questionário, o inquérito por
entrevista do tipo

semiestruturada e a análise documental sido as principais técnicas de
recolha de dados.

A análise de estatística simples e a análise de conteúdo foram
as técnicas de

tratamento de dados

privilegiadas.

Resultados deste estudo sugerem relações de colaboração docente
superficiais, imperando formas de

trabalho docente marcadamente individualistas. Embora sejam
reconhecidas pelos professores inquiridos

mais

-

valias ao trabalho colaborativo, nomeadamente, que possibilita a construção e
partilha de recursos

materiais, ideias e experiências, uma co-análise e co-reflexão sobre práticas letivas, conduzindo a um

melhor desempenho docente, promovendo assim a construção
de estratégia

s promotoras de uma

aprendizagem significativa, a falta de compatibilidade nos horários não
letivos dos docentes e a prevalência

de uma cultura de individualismo docente são os principais
impedimentos apontados para a sua prática.

Assim, os vestígios de trabalho colaborativo docente são limitados a pequenos grupos de
professores que lecionam a mesma disciplina e o mesmo ano de
escolaridade e, cujo conceito de colaboração assenta

essencialmente na partilha e troca de materiais
didático-pedagógico, e a partilha de experiências e estratégias.


Keywords

No matching items found.


Documents

No matching items found.

Last updated on 2019-10-08 at 00:15