A relevância de atividades de educação não formal na promoção da autenticidade do território: O estudo de caso do modelo de formação de guias intérpretes na Marinha Santiago da Fonte = The relevance of non-formal education activities in promoting the authenticity of the territory: The case study of the training model for interpreter guides in Santiago da Fonte Saltpan

Journal article


Authors/Editors


Research Areas


Publication Details

Author list: Albuquerque H, Silva A M, Martins F, Pinho R, Almeida M
Publisher: Universidade de Aveiro, Departamento de Economia, Gestão e Engenharia Industrial
Publication year: 2017
Journal: Revista Turismo e Desenvolvimento (1645-9261)
Journal acronym: RT&D
Volume number: 1
Issue number: 27/28
Start page: 509
End page: 522
Number of pages: 14
ISSN: 1645-9261
Languages: English-Great Britain (EN-GB), Portuguese-Portugal (PT-PT)


Abstract

A marinha Santiago da Fonte, património da Universidade de Aveiro (UA), é uma das nove marinhas a produzir sal, com métodos exclusivamente artesanais, na Ria de Aveiro e tem funcionado como laboratório experimental natural para um conjunto de atividades de educação não formal, promovendo a interligação entre conhecimento tradicional e o conhecimento científico. O objetivo deste estudo consistiu em implementar, analisar e avaliar o modelo de formação para guias da marinha Santiago da Fonte e perceber de que forma uma atividade de educação não formal pode assumir um caráter relevante a vários níveis: i) na dinamização de atividades sustentáveis, complementares à produção de sal, como as atividades turísticas e de educação ambiental; ii) na preservação de uma atividade secular; iii) na sensibilização para a conservação das salinas tradicionais e, desta forma, para a preservação das zonas húmidas, onde as salinas estão localizadas, permitindo uma relação de equilíbrio entre o conhecimento tradicional e científico. Baseado num estudo de caso, que assumiu um carácter de projeto-piloto, o estudo qualitativo apresentado demonstra o papel desempenhado pelas abordagens colaborativas no desenvolvimento de atividades de educação não formais, nomeadamente na promoção da ligação academia-sociedade, permitindo novas abordagens na promoção da autenticidade do território.
The Santiago da Fonte saltpan, University of Aveiro (UA) property, is one of the nine saltpans producing salt using exclusively artisan methods, in the Ria of Aveiro, and has functioned as a natural experimental laboratory for a set of non-formal education activities, promoting the interconnection between traditional knowledge and scientific knowledge. The objective of this study was to implement, analyse and evaluate the guides training model of the Santiago da Fonte saltpans and to understand how a non-formal education activity can assume a relevant character at several levels: i) in boosting sustainable activities, complementary to salt production, such as tourism activities and environmental education; ii) in the preservation of a secular activity; iii) in raising awareness about traditional saltpans conservation and, in this way, promoting the preservation of wetlands, allowing a balance between traditional and scientific knowledge. Based on a pilot study, the qualitative study presented demonstrates the role played by collaborative approaches in the development of non-formal education activities, namely in promoting academia-society linkages, allowing new approaches to the authenticity of the territory


Keywords

No matching items found.


Documents

No matching items found.

Last updated on 2019-10-08 at 00:16