Mulheres na política, do desejo à realidade: Igualdades e desigualdades = Women in politics, the desire to reality: Equalities and inequalities

Chapter in book


Authors/Editors


Research Areas


Publication Details

Author list: Carvalho O, Pais E
Publisher: Universidad de Salamanca
Place: Salamanca
Publication year: 2018
Start page: 1189
End page: 1198
Number of pages: 10
ISBN: 978-84-9012-850-3
Languages: English-Great Britain (EN-GB), Portuguese-Portugal (PT-PT)


Abstract

PROMOVER A IGUALDADE DE GÉNERO E O EMPODERAMENTO DAS MULHERES é um dos objetivos de desenvolvimento do milénio (3). Nesse sentido refletimos, analisamos e interpretamos a situação atual das mulheres, no campo da política, procurando identificar os fatores que promovem, ou inibem, a sua participação. Pretendemos, também, avaliar a igualdade e desigualdade, nos campos da Decisão Política e na Decisão Económica. Os progressos em matéria de representação das mulheres no poder executivo são ainda mais lentos. Em 2010, apenas nove dos 151 chefes de Estado eleitos e 11 dos 192 chefes de governos eram mulheres e, a nível mundial, as mulheres só detêm 16% dos cargos ministeriais. Situando o tema numa perspetiva psicodinâmica e, segundo a teoria Freudiana, é o desejo que move o aparelho psíquico, que faz sonhar. Os sonhos são realizações de um desejo, não são, portanto, destituídos de sentido. A não realização do desejo conduz ao recalcamento, baixo sentido de eficácia, baixa autoestima que inibem a participação. As mulheres sonham; os homens sonham, essa é uma caraterística humana, que não tem gênero. Torna-se pertinente perguntar: Desejam as mulheres, tanto como os homens, tornar o mundo melhor; criar um mundo mais justo, mais fraterno, serem agentes ativos nessa mudança? Encontrada a resposta a esta questão, procuraremos identificar os fatores que condicionam a atividade politica das mulheres e propor formas de alterar esta realidade.
PROMOTE GENDER EQUALITY AND THE EMPOWERMENT OF WOMEN is one of the millennium development goals (3). In this sense we reflect, analyze and interpret the current situation of women in politics, trying to identify the factors that promote or inhibit their participation. We also wanted to evaluate the equality and inequality in the fields of policy decision and Economic Decision. The progress in the representation of women in the executive branch are even slower. In 2010, only nine of 151 elected heads of state and 11 of 192 heads of government were women and, globally, women hold only 16% of ministerial posts. Situating the subject in a psychodynamic perspective and, according to Freudian theory, it is the desire that moves the psychic apparatus, which makes dream. Dreams are achievements of a desire, they are not, therefore, devoid of sense. The non-fulfillment of desire leads to repression, low sense of efficacy, low self-esteem that inhibit participation. Women dream; men dream, this is a human characteristic, which is genderless. It is pertinent to ask: They want women as much as men, make the world better; create a fairer, more fraternal, be active agents in this change? Found the answer to this question, we will try to identify the factors that influence the political activity of women and propose ways to change this reality.


Keywords

No matching items found.


Documents

No matching items found.

Last updated on 2019-03-09 at 12:16